Atriz cristã demitida por falar sobre homossexualidade será ouvida por tribunal

Seyi Omooba será ouvida pelo Tribunal do Trabalho de Londres.

O Tribunal do Trabalho de Londres, no Reino Unido, vai ouvir a atriz cristã demitida por compartilhar sua visão bíblica sobre a homossexualidade. Seyi Omooba foi demitida em 2019 do papel principal de Celie em uma produção de The Color Purple em Leicester.

Na época, a atriz foi acusada por compartilhar no Facebook, quatro anos antes, que “não acreditava que você pudesse nascer gay” ou que “prática homossexual está certo.” Ela era estrela em ascensão no teatro, tendo desempenhado papéis em Hadestown no National Theatre, Little Shop of Horrors e Spring Awakening.

De acordo com o Christian Today, no ano passado ela disse que sua demissão encerrou efetivamente sua carreira de atriz. “Desde que perdi o papel de Celie e fui demitida pela minha agência, não sou mais empregada”, disse ela.

“Todas as portas foram intencionalmente fechadas para mim e as pessoas que costumavam me dar tempo do dia agora me ignoram. Minha carreira era mais do que um trabalho para mim, era algo que eu amava”, disse.

A atriz recebeu o apoio da Christian Legal Center (CLC) e entrou com um processo contra o Leicester Curve Theatre e a Global Artists Agency por discriminação e quebra de contrato.

“O caso vai expor os mecanismos de censura no coração da indústria do teatro, e como quaisquer opiniões divergentes contra a ideologia LGBT, especialmente as crenças cristãs, são atualmente incompatíveis com uma carreira teatral”, disse o CLC.

Para tentar evitar o processo, o teatro ofereceu-se para pagar o salário integral que ela teria recebido por atuar na apresentação, mas Omooba rejeitou a proposta e está buscando uma decisão formal e pública de que o teatro agiu ilegalmente.

Seu caso será ouvido no tribunal de Londres ao longo desta semana, com a Miss Omooba e seu pai, o cofundador da Christian Concern, pastor Ade Omooba, dando depoimentos.

 

Fonte: https://www.gospelprime.com.br/atriz-crista-demitida-por-falar-sobre-homossexualidade-sera-ouvida-por-tribunal/.

× Como posso te ajudar?